ARBORICÍDIO EM PORTO ALEGRE

UMA CONTAGEM EM REDE

  • Eliege Maria Fante

Resumo

O artigo reflete sobre o arboricídio em Porto Alegre fundamentado no conceito de midiatização (Gomes, 2016), entendendo-se o papel de referência das mídias digitais na contemporaneidade. Considera fundamental a atuação das entidades ambientalistas no midiativismo ambiental (Moraes; Fante, 2008), pois estas participam de debates e fóruns de modo permanente, conquistando credibilidade social em relação aos temas de interesse público. A metodologia (Fragoso et. al, 2011) analisa as notícias da Associação Gaúcha de Proteção ao Ambiente Natural (Agapan) em seu blog e nas postagens no Facebook. A atuação midiativista ambiental da Agapan criou visibilidade antagônica na disputa de poder, pautando a comunidade e, principalmente, o legislativo de Porto Alegre.

Publicado
2018-07-08
Como Citar
FANTE, Eliege Maria. ARBORICÍDIO EM PORTO ALEGRE. Anais de Artigos do Seminário Internacional de Pesquisas em Midiatização e Processos Sociais, [S.l.], v. 1, n. 2, jul. 2018. ISSN 2526-222X. Disponível em: <https://midiaticom.org/anais/index.php/seminariointernacional/article/view/222>. Acesso em: 16 out. 2019.