Do Homo faber ao Homo sapiens midiatizado:

uma análise do processo constitutivo

  • Ana Paula Pinheiro UFFS
  • Fernanda Pinheiro
  • Felipe Pinheiro

Resumo

Configura-se em um estudo de cunho hermenêutico-explicativo, objetivando a partir de pesquisa teórico-bibliográfica apresentar alguns aspectos do processo formativo que perpassou pela “evolução” do homem primitivo (aqui tratado como Homo faber), cujo meio de aprendizado foi-se constituindo através do seu fazer, do seu ato de criação diante das inúmeras situações encontradas e de sua necessidade até o vogo do Homo sapiens midiatizado que hoje constitui e caracteriza a nossa espécie. Destarte, buscou-se analisar aspectos desta trajetória epistemológica que foram fundamentais para estas mudanças e como os avanços tecnológicos que o próprio Homo sapiens criou interferem nas relações sociais e na produção de novos conhecimentos, analisando a partir dos aspectos da comunicação, da vida em comunidade da necessidade criadora e seus desdobramentos.

Publicado
2021-04-20
Como Citar
PINHEIRO, Ana Paula; PINHEIRO, Fernanda; PINHEIRO, Felipe. Do Homo faber ao Homo sapiens midiatizado:. Anais de Artigos do Seminário Internacional de Pesquisas em Midiatização e Processos Sociais, [S.l.], v. 1, n. 4, abr. 2021. ISSN 2675-4290. Disponível em: <https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-artigos/article/view/1308>. Acesso em: 27 nov. 2021.