A midiatização do câncer de mama aliada às mediações do cotidiano em tempos de cultura terapêutica

  • Luciana Carvalho de Moraes Universidade Federal Fluminense (UFF)

Resumo

O estudo aborda a midiatização do câncer aliada às mediações do cotidiano e da mídia em tempos de cultura terapêutica. Para este artigo, utiliza-se como corpus de análise a entrevista concedida pela apresentadora Ana Furtado, para a revista eletrônica Fantástico, visto se tratar de um discurso de transformação e de cuidado de si cercado de aspectos fenomenológicos, práticas sociais, subjetividades e da influência midiática, que são aspectos de interesse para o entendimento do cotidiano e da atual cultura terapêutica.

Publicado
2021-04-22
Como Citar
DE MORAES, Luciana Carvalho. A midiatização do câncer de mama aliada às mediações do cotidiano em tempos de cultura terapêutica. Anais de Artigos do Seminário Internacional de Pesquisas em Midiatização e Processos Sociais, [S.l.], v. 1, n. 4, abr. 2021. ISSN 2675-4290. Disponível em: <https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-artigos/article/view/1364>. Acesso em: 27 nov. 2021.
Seção
GT COMUNICAÇÃO E DIFERENÇA: CORPOS, AFETOS E TERRITÓRIOS III