A CIRCULAÇÃO DISCURSIVA DE MACEDO E SANTIAGO NAS REDES SOCIAIS TWITTER E FACEBOOK

  • Francieli Jordão Fantoni

Resumo

A circulação oferta um espaço/lugar de produção, operacionalização e regulações dos sentidos. É por meio de negociações e apropriações discursivas que a circulação se estabelece como “zona de contato/interpenetrações”, sendo complexificada com a ambiência digital. Neste sentido, procura-se com esta investigação analisar a circulação das distintas estratégias discursivas dos líderes religiosos Edir Macedo e Valdemiro Santiago, nas redes sociais Twitter e Facebook. Metodologicamente, opta-se pela Teoria dos Sistemas de Niklas Luhmann, de forma a analisar o acoplamento entre atores/religião, sociedade e comunicação, e a semiologia proposta por Eliseo Verón e Adair Peruzzolo, para investigação dos discursos. Observa-se que o discurso modifica a rota da circulação a cada nova interação entre os sistemas.

Publicado
2017-06-30
Como Citar
FANTONI, Francieli Jordão. A CIRCULAÇÃO DISCURSIVA DE MACEDO E SANTIAGO NAS REDES SOCIAIS TWITTER E FACEBOOK. Anais de Artigos do Seminário Internacional de Pesquisas em Midiatização e Processos Sociais, [S.l.], v. 1, n. 1, jun. 2017. ISSN 2675-4290. Disponível em: <https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-artigos/article/view/63>. Acesso em: 09 dez. 2022.