TRANSMÍDIA, PROPAGABILIDADE, ENGAJAMENTO. REFLEXÕES SOBRE VISIBILIDADE E LEGITIMAÇÃO DO JORNALISMO EM AMBIÊNCIAS DIGITAIS

  • Carolina Teixeira Weber Dall’Agnese
  • Eugenia Mariano da Rocha Barichello
  • Vivian de Carvalho Belochio

Resumo

Este artigo, de caráter teórico-analítico, tem como objetivo abordar os processos de visibilidade e de legitimação do jornalismo em ambiências digitais no âmbito da produção jornalística transmídia, a partir da reflexão acerca da propagabilidade e do engajamento (Ford, Green e Jenkins, 2014) enquanto características potencializadoras desses processos. Tem-se o processo de midiatização como base conceitual, relacionado com a perspectiva teórica dos meios como ambiências, envoltórios culturais. Entendem-se as modificações nos processos produtivos jornalísticos como decorrentes da midiatização.

Publicado
2017-06-30
Como Citar
DALL’AGNESE, Carolina Teixeira Weber; BARICHELLO, Eugenia Mariano da Rocha; BELOCHIO, Vivian de Carvalho. TRANSMÍDIA, PROPAGABILIDADE, ENGAJAMENTO. REFLEXÕES SOBRE VISIBILIDADE E LEGITIMAÇÃO DO JORNALISMO EM AMBIÊNCIAS DIGITAIS. Anais de Artigos do Seminário Internacional de Pesquisas em Midiatização e Processos Sociais, [S.l.], v. 1, n. 1, jun. 2017. ISSN 2675-4290. Disponível em: <https://midiaticom.org/anais/index.php/seminario-midiatizacao-artigos/article/view/94>. Acesso em: 09 dez. 2022.